CAMUTANGA

Localizada bem no norte da Zona da Mata, fazendo limite com a cidade paraibana de Juripiranga, Camutanga tem seu nome ligado as indígenas que ali viviam antes da chegada dos europeus. Eram conhecidos como Comum A Tanga, que é uma referência a um tipo de Vespa pu mesmo a um Papagaio de cores variadas. Uma […]

ITAQUITINGA

Após a proclamação da República foram realizados novos arranjos políticos, considerando interesses locais e regionais. Um desses arranjos, dado em 1892 por lei municipal, foi a reorganização política do Goiana, então dividido em cinco distritos, sendo um deles o povoado de São Sebastião de Areias. Em 1943, por influência de Mário Mello, secretário do Instituto […]

SÃO VICENTE FÉRRER

Muitas cidades no mundo surgiram a partir de uma feira, São Vicente Férrer, também surgiu de uma feira. Uma feira de produtos da agricultura iniciada por Jerônimo de Albuquerque Melo, João da Silva Pessoa e José Joaquim do Espírito Santo. A feira acontecia no povoado de Cruangy, que até 1867 pertenceu ao município de Goiana; […]

LAGOA DO CARRO

Bastante famosa por seu Museu da Cachaça e pelos tapetes bordados, Lagoa do Carro é uma cidade finalmente autônoma em1991, pois no início dos anos sessenta havia sido sede de município, mas perdeu essa situação após o golpe militar de 1964. Possivelmente os primeiros não índios a chegarem na região que fica entre os rios […]

MUNICIPIO DE PAUDALHO

Paudalho situa-se na Zona da Mata seca de Pernambuco, e  de acordo com o censo  IBGE de 2010, o município tem uma população de 50.316 habitantes. Até 1963, as atuais cidades de Carpina e Lagoa de Itaenga faziam parte de Paudalho. O escritor Severino Soares de Araújo, em sua obra “PAUDALHO TERRA DOS ENGENHOS”, ensina […]

Vicência

Há uma relação histórica entre Vicência e Nazaré da Mata. Essas terras eram parte da Capitania de Itamaracá e começaram a ser efetivamente ocupadas a partir do final do século XVIII, após a anexação definitiva da Capitania de Itamaracá à Pernambuco. Assim, já em 1821 havia uma capela em Laranjeiras sob a invocação de São […]

ITAMBÉ

A Mata Norte de Pernambuco foi parte da Capitania de Itamaracá, cujo território abrangia o atual estado da Paraíba, assim algumas cidades pernambucanas têm sua parceira no estado vizinho. Este é o caso de Itambé, PE e Pedras de Fogo,PB. Sua história remonta ao século XVII e está ligado às ações de André Vidal de […]

TIMBAUBA

“Árvore que exala espuma” é o que significa a palavra timbaúba. O território, que era parte da Capitania de Itamaracá, deve ter sido dominado pela população indígena até meados do século XVIII, quando começou a receber gente saída de Tejucupapo e Goiana. No início do século, entre esses primeiros habitantes fala-se de uma propriedade com […]

TRACUNHAÉM

A cidade de Tracunhaém foi distrito de Nazaré da Mata até o dia 20 de dezembro de 1963. Entretanto a sua história tem início ainda no século XVII. Em verdade temos que lembrar que toda a nossa região foi inicialmente habitada pelos índios, como bem demonstra o nome que a cidade recebeu. De acordo com […]

NAZARÉ DA MATA

Uma das mais antigas vilas da Mata Norte é Nazaré da Mata. Ela começa a existir com a formação de uma propriedade, Lagoa das Antas, e de uma devoção, Nossa Senhora da Conceição ou a Imaculada Conceição de Nazaré. Embora fosse uma Sesmaria doada em junho de 1581, o povoamento de orientação portuguesa começou apenas […]