ALIANÇA

Entre as cidades de Nazaré da Mata, Tracunhaém, Condado, Ferrreiros, Itambé,  Vicência e Timbaúba fica localizado o município de Aliança, desmembrado de Goiana e Nazaré da Mata no ano de 1928.

O povoamento inicial da cidade de Aliança ocorreu logo após a Revolução Praieira, no meio do século XIX, quando três irmãos mudaram-se da capital da província para um lugar que, durante algum tempo, ficou conhecido como Chã dos Bodes. Ali os irmãos erigiram uma capela dedicada a Nossa Senhora do Rosário e construíram as suas casas. O pequeno arruado vivia em tal tranquilidade que quando Frei Caetano de Rossina,  foi realizar missões de pacificação no ano de 1862, propôs a mudança do nome do lugar, de Chã dos Bodes para Aliança.

Havia outros povoados na região, como Lagoa Seca, era um povoado que crescera em torno de engenhos e que possuía uma estação de trem desde 1882, e havia ainda a bela capela Nossa Senhora do Bom Despacho. Outro povoado de importância na região era o de Nossa Senhora Ó, que havia enriquecido pelo cultivo da cana de açúcar e pela feira ali realizada, uma prova da riqueza do povoado era a existência de duas igrejas, a de Nossa Senhora do Ó, frequentada pelos homens e mulheres livres e a outra dedicada a Nossa Senhora do Rosário, frequentada pelos escravos. Mais próximo de Goiana, à beira do Rio Sirigi estava Lapa. Todos esses dados mostram que aquela era uma região que crescera desde o tempo dos engenhos de banguê, engenhos que começaram a perder importância com a chegada das usinas e se tornaram engenhos de fogo morto.

 A época das usinas trouxe a Usina Aliança. A passagem do século XIX para o XX assistiu a chegada da ferrovia na Mata Norte o que favoreceu o escoamento da produção de Açúcar da usina, que também possuía uma malha ferroviária interna. Assim, o povoado de Aliança cresceu e assumiu a importância que pertencera a Lagoa Seca, atualmente Upatininga. Ao final dos anos vinte, a crescente produção da Usina permitiu aos seus proprietários desenvolverem ações para que Aliança, então distrito de Nazaré da Mata viesse a ser elevado à condição de município em 1928, com territórios cedidos por Nazaré da Mata e Goiana.

Nos anos de maior esplendor da produção de Açúcar, a Usina Aliança garantiu que a cidade viesse a possuir equipamentos sociais como os cinemas  São José e Yrani, Guardados ainda na memória do poeta Marcus Acioly, que passou a sua infância nas propriedades de seus avós, os Engenhos Laureano e Jaguaraba.

Macujê,  a antiga Lapa, Tupaóca, a antiga Nossa Senhora do Ó, e Upatiniga, antiga Lagoa Seca são os distritos, e o povoado de Aliança é a sede do município.  Com uma população de quase quarenta mil pessoas, Aliança tem sua riqueza na produção de lavoura permanente de abacate, banana, coco da baía, laranja, mamão, manga, maracujá,  e de lavoura temporária de abacaxi, batata doce, fava, feijão, mandioca, milho e principalmente de cana de açúcar.

Além dessas riquezas, estão a criatividade dos caboclos que formam o Maracatu Cambinda Estrela de Tupaóca, Estrela de Ouro de Aliança, Leão Mimoso, Leãozinho de Aliança, Pavão Misterioso de Upatininga e Beija Flor; tem ainda os grupos de Cavalo Marinho Mestre Batista, da Chã de Camará e o Cavalo Marinho Boi Pintado da Chã do Esconso.

Bibliografia:

http://josevaldohistoria.blogspot.com.br/2009/08/usina-alianca.html

SILVA, Severino Vicente da. Estrela de Ouro de Aliança, a saga de uma tradição. Recife: Editora Associação Reviva, 2005.

Texto escrito por: Severino Vicente da Silva

One Comment on “ALIANÇA

  1. Venho mui respeitosamente, dar meus parabéns, ao meu amigo Severino Vicente, por todos os trabalhos realizados, de uma forma sistemática e historiográfica, sobre várias cidades da zona da mata. Valorizar a nossa cultura, é o que nós fazemos cotidianamente em nossas cidades, povoados e vilarejos deste grande Pernambuco. Pois a alma da cultura é ter a cultura na alma. Por isso que o Frei Caetano de Messina, disse em um de seus sermões, isto é uma verdadeira Aliança. Porque uma aliança verdadeira, ela faz com que nós possamos amar, tudo aquilo que conhecemos!!!!!!! Um forte abraço do mesmo!!!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *